Laboratório de Análises Cooabriel renova credenciamentos em programas de qualidade

0
646
Foto: Divulgação

Laboratório recebeu nota A no Programa Interlaboratorial de Análise de Tecido Vegetal (PIATV) do Departamento de Ciência do Solo – ESALQ/USP

Buscando prestar o melhor serviço aos cooperados e demais produtores, o Laboratório de Análises Cooabriel renovou credenciamento em dois importantes programas interlaboratoriais, garantindo selo de qualidade para as análises de tecido vegetal (foliares) e de solo.

Pelo segundo ano consecutivo, o laboratório recebeu nota A no Programa Interlaboratorial de Análise de Tecido Vegetal (PIATV) do Departamento de Ciência do Solo – ESALQ/USP. O resultado renova o direito de uso do selo de qualidade do programa em 2023 e assegura confiabilidade nos resultados das análises foliares.

O programa tem o objetivo de melhorar as metodologias aplicadas e proporcionar um diferencial de mercado aos participantes, além de estimular a manutenção da qualidade das análises de tecidos vegetais, importantes aliadas dos produtores.

Sobre esse aspecto, o Engenheiro agrônomo da Cooabriel, Henrique Capucho, explica que “a análise foliar consiste em analisar quimicamente uma amostra de folhas representativas de uma lavoura ou talhão. Através das informações dessa análise é possível realizar ajustes nas adubações, melhorando o equilíbrio dos nutrientes na planta e a sustentabilidade do sistema produtivo. A análise foliar deve ser sempre considerada como uma prática complementar à análise de solo.”

O laboratório da cooperativa renovou também o credenciamento para o selo de qualidade PROFERT – MG (Programa de Proficiência em Análise de Solo), que é desenvolvido pelo Departamento de Solos da Universidade Federal de Viçosa, Minas Gerais. O selo assegura a qualidade dos resultados de amostras referentes a macro e micronutrientes, matéria orgânica e textura do solo.

O Laboratório aderiu aos programas em 1996 e desde então tem trabalhado para obter os melhores resultados e manter-se certificado. Segundo Marciano Francisco da Silva, que é o gerente do laboratório, o empenho busca garantir a excelência dos serviços prestados, visto que as análises são de extrema importância para a tomada de decisão a respeito do uso dos insumos nas propriedades. “Há uma preocupação constante de que o laboratório esteja bem-conceituado juntos aos programas de qualidade, para que cooperados e clientes tenham confiança nos resultados obtidos em suas amostras”, afirma.

O Laboratório Cooabriel

Com 26 anos de serviços prestados e reconhecido nacionalmente por órgãos de controle de qualidade, o Laboratório realiza diversos tipos de análise e que são fundamentais para que o produtor compreenda quais as necessidades e deficiências em suas áreas de cultivo e possa agir de forma corretiva ou preventiva, obtendo ganhos como a utilização de insumos de forma eficiente e melhorando a produtividade.

O gerente corporativo de agropecuária, José Roberto Gonçalves, ressalta que “o laboratório de análises da Cooabriel oferece serviços de excelência com o intuito de fomentar as boas práticas agrícolas. E como forma de garantir a confiabilidade das informações nos resultados das análises, o laboratório da cooperativa periodicamente passa por auditorias internas e verificações qualitativas dos seus processos. No entanto, cabe ressaltar que a amostragem representativa, o preparo e o envio correto das amostras para o laboratório são de responsabilidade do produtor e são fundamentais para que se obtenha resultados mais precisos”, concluiu.

Atendendo a cooperados e não cooperados, o Laboratório presta os seguintes serviços:

-Análise Química de Tecido Vegetal – Fornece informações relevantes sobre o estado nutricional dos macronutrientes presentes como nitrogênio, fósforo, potássio, cálcio, magnésio e enxofre e dos micronutrientes, como boro, cobre, ferro, manganês e zinco.

-Análise de água para Irrigação– Verifica informações sobre os nutrientes que a própria água fornece, como índices de alcalinidade, pH, teores de cálcio, sódio, magnésio, dentre outros elementos.

-Análise de Fertilizante Orgânico – Determina macronutrientes e micronutrientes presentes nas amostras, além de outros fatores como pH, umidade, matéria orgânica.

-Análise Física de Solo- Avalia a textura do solo, considerando a presença de partículas sólidas como silte, areia e argila.

-Análise Química de Solo- Verifica a fertilidade a partir da quantificação de nutrientes presentes no solo amostrado, mensurando valores indicativos de saturação, acidez, nutrientes e outros. (Comunicação Cooabriel)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here