Sistema CNA/Faes/Senar-ES enfrenta o coronavírus com produtores rurais

0
102
Divulgação

Para auxiliar os produtores rurais a enfrentarem o vírus Covid-19, a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), a Federação da Agricultura e Pecuária do Espírito Santo (Faes), o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural do Estado (Senar-ES) e os Sindicatos Rurais adotaram ações para minimizar os prejuízos na produção agrícola.

A CNA encaminhou à ministra da Agricultura, Tereza Cristina, em caráter de urgência, um conjunto de propostas para que os produtores rurais brasileiros possam superar os transtornos e impactos causados pela pandemia do coronavírus.

As medidas são voltadas especialmente para a prorrogação dos prazos dos financiamentos, sem que isso acarrete dificuldades de acesso ao crédito rural para a safra 2020/2021, e diferimento da tributação. O documento completo pode ser acessado aqui: https://bit.ly/2QNE7VO.

“Esse pleito da CNA é necessário e imperioso. É uma forma de quem gera emprego garantir esses empregos. Se a pessoa ficar sem renda como vai arcar com suas obrigações? No consenso que o básico não pode ser interrompido, é preciso amparar o produtor rural que se mantém no campo produzindo e garantindo o abastecimento de alimentos”, reforça o presidente da Faes, Júlio Rocha.

A CNA também disponibilizou um número de Whatsapp (61-93300-7278) para que os produtores brasileiros entrem em contato e relatem problemas de saúde ou que possam estar afetando a produção agropecuária.

“É importante que o produtor mande mensagem para esse número, caso precise, porque técnicos da CNA estão preparados para atendê-los e direcioná-los da melhor forma. Com esses contatos, o Ministério da Agricultura e a CNA vão reunir as informações de todo o Brasil para pensar em mais soluções efetivas que minimizem os prejuízos na produção agrícola”, explica a superintendente do Senar-ES, Letícia Toniato Simões.

Também serão doados R$ 5 milhões ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), pela CNA, para ajudar em ações de saúde no combate à pandemia do coronavírus. (Comunicação Faes/Senar-ES)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here