Produtores terão dívidas repactuadas após desastres climáticos

0
100
Foto: Divulgação

CMN aprova proposta do Mapa para auxiliar agricultores e pecuaristas diante dos desafios da safra atual

Conselho Monetário Nacional (CMN) aprovou a proposta do Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa) para repactuação de dívidas dos produtores rurais mais impactados pelas adversidades climáticas enfrentadas na atual safra.

Descubra as últimas novidades do AGRO Capixaba, do Brasil e além, diretamente no seu WhatsApp! Toque aqui para se juntar ao exclusivo grupo da Revista Procampo e esteja sempre um passo à frente!

De acordo com os dados do Mapa, os produtores de soja, milho e das atividades pecuárias leiteira e de corte, localizados nos Estados das regiões Sul, Sudeste, Centro-Oeste e Norte, poderão adiar ou parcelar os débitos vencendo em 2024 relativos a contratos de investimentos. As discussões e propostas foram debatidas com a equipe interministerial do governo e com o presidente Lula.

Além da repactuação aprovada pelo CMN, o ministro Carlos Fávaro anunciou que outras medidas para fortalecimento e estruturação do setor agropecuário serão divulgadas na próxima semana, reforçando o compromisso do governo com o desenvolvimento sustentável e a segurança econômica dos produtores rurais brasileiros. (Agrolink)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here