Encontro em Ilhéus debate oportunidades para a cacauicultura brasileira

0
360
Foto: Divulgação

Participação do Mapa ressaltou a sustentabilidade como meio de alcançar os mercados mais exigentes

Disseminar conhecimentos e ferramentas eficazes para uma cacauicultura sustentável foi o principal objetivo da 6ª edição do Fórum Anual do Cacau, o CocoaAction Brasil, que contou com o apoio da Comissão Executiva do Plano da Lavoura Cacaueira (Ceplac), do Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa).

A participação do Mapa na iniciativa, que ocorreu nos dias 20 e 21 deste mês, ressaltou a importância do engajamento da cadeia de valor para que os produtores possam adotar as melhores práticas de sustentabilidade social, econômica e ambiental. Desta forma, eles podem acessar políticas de mercado que reconheçam e valorizem, de forma diferenciada, o cacau brasileiro.

Quer receber as principais notícias do AGRO Capixaba, do Brasil e do mundo no seu WhatsApp? Clique aqui e entre no grupo da Revista Procampo!

O Brasil é o único país que detém a cadeia de produção agrícola até a fabricação do chocolate. É considerado o país com melhores tecnologias e práticas de sustentabilidade e possui amplo mercado interno e externo.

Foto: Ana Lee

No primeiro dia de evento, a secretária de Inovação, Desenvolvimento Sustentável, Irrigação e Cooperativismo (SDI/Mapa), Renata Miranda, participou do painel “Demanda Global por Sustentabilidade e Oportunidades para o Cacau do Brasil”, trazendo para o debate a importância da organização dos produtores e destes com a indústria.

“A principal característica das cadeias bem sucedidas, como soja, algodão e citros, por exemplo, é a existência de associações e cooperativas fortes, nas quais os envolvidos atuam coletivamente. A força coletiva empodera o setor produtivo nas negociações, desde a compra de insumos até a venda dos produtos do cacau. Precisamos melhorar nossa produtividade para que o produtor tenha melhor renda e invista na agregação de valor e possamos acessar os melhores mercados”, explica.

No segundo dia de fórum, que aconteceu no Centro de Convenções de Ilhéus (BA), foram abordados temas como mapeamento do cultivo de cacau, importância das cadeias produtivas para o agronegócio, manejo eficiente, aumento da produtividade, certificações e programas de sustentabilidade, crédito para agricultura e acompanhamento técnico. (Ministério da Agricultura)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here