Cooabriel investe mais de R$8 milhões em nova unidade na Bahia

0
485
Foto: Cooabriel

Área total da construção superará 5 mil metros quadrados e a primeira fase das obras deverá ser finalizada em janeiro de 2024

A Cooabriel deu mais um passo para a ampliação da estrutura da cooperativa. Foram iniciadas as obras para a construção do armazém de Camacã, na Bahia. A área total da construção superará 5 mil metros quadrados e a primeira fase das obras deverá ser finalizada em janeiro de 2024.

De acordo com o superintendente da Cooabriel, Carlos Augusto Pandolfi, o projeto será executado em duas fases. “Em um primeiro momento planeja-se a recepção e armazenagem de cerca de 120 mil sacas de café. Na segunda fase, a capacidade de armazenagem será ampliada, chegando a 240 mil sacas.”

Quer receber as principais notícias do AGRO Capixaba, do Brasil e do mundo no seu WhatsApp? Clique aqui e entre no grupo da Revista Procampo!

O investimento previsto é de mais de R$ 8 milhões. “Estamos iniciando uma obra importantíssima, que é o maior investimento da Cooabriel para 2023. É um investimento extremamente necessário pelo volume de café produzido na região, por questões de logística para a armazenagem, mas principalmente, em resposta aos cooperados, que têm demonstrado interesse e feito opção pelos serviços que a cooperativa tem a oferecer”, completou o superintendente.

Atualmente, a armazenagem dos cafés dos cooperados de Camacã e região é feita na unidade de Itabela, também na Bahia. Contudo, a logística apresenta-se como um grande desafio, uma vez que a distância entre as duas unidades é de cerca de 200 quilômetros. Soma-se a isso, o fato de que a produção de café na região tem aumentado de forma expressiva.

Segundo o gerente corporativo de armazéns da Cooabriel, Jonathas Kloss, a cooperativa tem investido na modernização de sua estrutura, para oferecer segurança e modernidade aos cooperados. Um exemplo disso, foi a inauguração do novo armazém de Águia Branca, no início deste ano, localizado no município de Águia Branca/ES. Com cerca de 8 mil metros quadrados de área construída e capacidade para 300 mil sacas de café, é um dos principais projetos realizados pela cooperativa nos últimos anos.

“Todos os investimentos feitos nas estruturas de armazenagem visam oferecer condições adequadas para o armazenamento dos cafés, buscando preservar aspectos como cor, tipo, qualidade e bebida, para disponibilizar ao mercado um produto dentro dos padrões de qualidade”, disse Kloss.

A cooperada da Cooabriel, Cinara Assis, que tem propriedade em Camacã, recebeu a novidade com muito otimismo e expectativa. “Será melhor em todos os aspectos. Com o novo armazém, irei reduzir custos e trabalho. O espaço será muito bom. Tenho satisfação em acompanhar o crescimento da cooperativa, que está no caminho certo”, afirmou.

O presidente da Cooabriel, Luiz Carlos Bastianello, esclarece que a obra foi planejada para que fosse possível armazenar a safra de 2023, contudo as condições climáticas e a falta de mão de obra especializada para determinados serviços, impediram que alguns prazos fossem cumpridos. Os esforços atuais são para que ainda seja possível fazer uso de parte da estrutura para auxiliar nos serviços de recepção do café dos cooperados de Camacã e região.

“Temos investido em nossas estruturas de armazenagem e buscado tornar a recepção de safra mais ágil. Um dos grandes propósitos da cooperativa atualmente é melhorar a eficiência dos serviços prestados aos nossos cooperados. O investimento que está sendo feito nesta nova unidade vem de encontro a este compromisso”, finalizou Bastianello. (Comunicação Cooabriel)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here