Cooabriel incentiva uso de canais alternativos nas operações de café com sócios

0
335
Foto: Comunicação Cooabriel

Em tempos de isolamento, algumas ferramentas têm sido essenciais para a manutenção das atividades econômicas. Na Cooperativa Agraria dos Cafeicultores de São Gabriel – Cooabriel, que atende a mais de cinco mil sócios, várias medidas foram adotadas, por meio de seu Comitê Interno de Prevenção, criado desde 17/03 para preservar a saúde dos sócios, funcionários e comunidade.

A orientação da cooperativa é de que os sócios só saiam de suas propriedades em casos de extrema necessidade e que evitem aglomerações, por isso a importância de reforçar o atendimento em canais alternativos.

Para incentivar o sócio a permanecer em casa, o App Cooabriel e a Central de venda de café são eficientes serviços. Com ele o sócio pode fazer operações sem sair de casa e com segurança.

Na Central telefônica, o sócio vende café, obtém informações sobre estoque, desconto de débitos e desconto de contratos. O atendimento funciona nos telefones: (27) 2158 -1001 | 99942 6977 |99942 6574.

Já noApp Cooabriel, o sócio realiza venda de café com rapidez e segurança, faz consulta de estoque e movimentação, consulta débitos e limites de crédito.

Desde que foi criado o Comitê para iniciativas de prevenção, a adesão às ferramentas alternativas tem registrado grande procura pelos sócios. “Já eram opções disponibilizadas pela cooperativa aos sócios, mas com o isolamento em razão da pandemia, estamos com 33% das operações de compra de café concentradas nas alternativas que substituem o atendimento presencial. A nossa meta é aumentar em 50% essa procura até o fim de 2020”, disse o Diretor Presidente, Luiz Carlos Bastianello.

A Central Telefônica da Cooabriel recebeu 657 atendimentos (dados até 25-03), desde que o Comitê foi criado pela cooperativa. Além disso, no mesmo período, foram registrados 2.807 acessos pelo aplicativo. Durante esses dias, 43.022 mil sacas de café já foram comercializadas.

Segundo o gerente de mercado da Cooabriel, Edimilson Calegari, o mercado segue normal com as compras e vendas, não sendo afetado a princípio pela pandemia. “Nossa preocupação é com o futuro, visto que as indústrias continuam comprando café e produzindo estoque. Chamamos a atenção para possível perda de poder aquisitivo da população, em função da reconfiguração do mercado de trabalho, o que nos alerta para um cenário de dificuldade de giro do café no varejo. Mesmo assim a recomendação é que o produtor não se desespere e não colha o café verde”, finalizou.

Confira algumas medidas preventivas para evitar a propagação do Coronavírus (COVID-19):

– Expediente reduzido nas lojas com atendimento de segunda a sexta, das 7h30 às 16h30 e aos sábados de 7h às 11h;

– Atendimento limitado à quantidade de colaboradores na unidade.

– Redução do número de colaboradores;

– Restrição à entrada de pessoas no interior da loja para diminuir o fluxo, obedecendo aos protocolos de cuidados com a saúde;

 – Utilização de álcool em gel e máscara;

– A sede administrativa está em funcionamento com as seguintes restrições:

Atendimento ao público reduzido com horário das 9h às 11h e 12h30 às 16h;

– Setores abertos: Comercialização e atendimento ao produtor;

– Adequação do fluxo de pessoas com entrada controlada;

– Utilização de álcool em gel e máscara;

– Home office para colaboradores do grupo de risco. (Comunicação Cooabriel)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here