Exportações de banana à UE aumentam expressivamente

0
1027
Foto: Divulgação

A União Europeia, um dos maiores consumidores mundiais de banana, aumentou fortemente a importação da fruta fresca brasileira na parcial deste ano (janeiro a julho). Os embarques nacionais ao destino chegaram a 16 mil toneladas, valor 321% superior ao do mesmo período do ano passado, de acordo com a Secretaria de Comércio Exterior (Secex). A receita, por sua vez, totalizou cerca de US$ 7 milhões (FOB), valor 294% maior na mesma comparação.

Este incremento das exportações esteve relacionado à retomada dos investimentos de produtores e, consequentemente, da qualidade da fruta no Rio Grande do Norte/Ceará (principal polo exportador ao bloco) para este ano. Os maiores investimentos, por sua vez, são decorrentes do retorno das chuvas (as quais favoreceram a produção) desde o ano passado – aumentando a disponibilidade e a qualidade da água do RN/CE.

Além disso, destaca-se que a demanda pela fruta esteve positiva na União Europeia no período. Segundo notícias veiculadas pelo portal Fresh Plaza, até os países concorrentes do Brasil, como Equador e Guatemala, aumentaram os envios para a UE.

Perspectivas

Para os próximos meses, o cenário ainda é incerto. Internacionalmente, há receio quanto ao TR4 (Fusarium raça 4) na Colômbia – o que deve favorecer as exportações dos concorrentes: Equador, Costa Rica, Guatemala e até do Brasil (mas em menor proporção). Segundo colaboradores do Hortifruti/Cepea, a valorização da nanica em âmbito nacional, devido à menor produção no período, pode fazer com que alguns produtores prefiram comercializar a fruta no mercado doméstico. (HF Brasil)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here